Rita Ferro Rodrigues alerta fãs: "Pensam que podem voltar à vida normal. Isto é falso!"

Rita Ferro Rodrigues na Selfie
Rita Ferro Rodrigues partilha vídeo ternurento na Tailândia
Rita Ferro Rodrigues: "O meu nariz está vermelho e inchado de choro que não controlei"
Rita Ferro Rodrigues com o marido, Ruben Vieira

Foi nas redes sociais que Rita Ferro Rodrigues decidiu publicar um esclarecimento sobre aquilo que tem sido a compreensão errónea do "isolamento social", feita por alguns dos portugueses.

"Um esclarecimento importante: Temos de ficar em casa até ordem em contrário. Há pessoas que pensam que fazendo 14 dias de isolamento podem voltar à vida normal ... malta isto é FALSO ! Por enquanto ainda não existe qualquer previsão de quando voltaremos à nossa vida normal e o momento que estamos a viver é decisivo e só ficando em casa podemos evitar milhares de mortos", começou por escrever a apresentadora, através das redes sociais. 

Em seguida, a apresentadora citou o professor de Epidemiologia da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, Manuel Carmo Gomes: “Todas estas medidas têm como objetivo principal reduzir a proximidade física entre as pessoas, evitando, assim, o contágio da doença pelas suas múltiplas vias de transmissão. Se tivermos sucesso, o valor do R0 diminuirá e a rapidez com que a epidemia cresce irá abrandar. A epidemia passará, então, por um pico que todos desejamos que não seja muito alto (poucos doentes por dia quando chegarmos ao pico). Se nos mantivermos firmes e disciplinados nas medidas de contenção, o valor do R0 irá tornar-se menor que 1 e o número de novos doentes começará a diminuir todos os dias. Aconteceu na China, iremos conseguir também em Portugal".

Rita Ferro Rodrigues rematou: "Ficar em casa é ainda mais crucial".

Note-se que o país vive, agora, em Estado de Emergência, de forma a combater o contágio da pandemia Covid-19.