TVI

De luto, Catarina Siqueira recorda as últimas palavras do pai

O funeral do pai de Catarina Siqueira aconteceu na passada quinta-feira, dia 31. Nas redes sociais, a ex-concorrente do "Big Brother Famosos", da TVI, dedicou uma mensagem ao progenitor.

"'Relativizem tudo, seja qual for a chatice. É uma oportunidade para nos pormos à prova, aprendemos mais umas coisas sobre nós e custa menos, se gostarmos do que aprendemos' - disse ele, pouco tempo antes de adormecer para sempre", recordou Catarina Siqueira, no longo desabafo que fez sobre o pai, no Instagram, na passada quinta-feira, dia 31.

"Hoje, despedi-me do meu pai", revelou a atriz, na legenda de uma fotografia que partilhou, na qual surge ao lado do familiar.

"Neste último ano, aprendi a respeitar o meu impulso, no que ao instinto diz respeito, e aprendi, sobretudo, a escutar o que os silêncios nos podem dizer. Hoje, dei permissão ao meu impulso de só estar, sentir e chorar. Respeitei, acima de tudo, a minha vontade de estar lá, sem a mínima necessidade de dizer absolutamente nada", continuou.

Catarina Siqueira, de 35 anos, explicou, também, que "só as palavras valem pouco, muito pouco, quando o que sentimos é (tão) valioso por si só". "Há uns meses, questionei-me sobre se, de facto, seria essencial, ou até mesmo só necessário, verbalizar tudo o que me invade a alma e o coração. Hoje, tive a certeza de que não. O amor tem mil e tantas formas de ser. Acredito que, de outras mil e tantas, se possa demonstrar, sem que nos forcemos a verbalizar sem organicidade. Não podia estar mais em paz com tudo isto", frisou.

"E que bom que é ser esta miúda que se vai aceitando e descobrindo todos os dias aos poucochinhos. Sim, é bom dizer. Mas ainda melhor é perceber que não sou mecânica, não quero ser, e o melhor de tudo... não há mal nenhum nisso. Está lá tudo na mesma. E ele sabia. Tenho a certeza. Até logo, pai", rematou a ex-concorrente do "Big Brother Famosos", da TVI.

Veja, agora, a publicação de Catarina Siqueira.

Relacionados