urlvisit

Ricky Martin confessa que viveu "sofrimento profundo" durante a quarentena

Ricky Martin está oficialmente casado
André trabalhou com Jennifer Lopez e Ricky Martin
Sérgio Rossi interpreta Ricky Martin
Ricky Martin na Selfie

O cantor Ricky Martin abriu o coração e admitiu que não viveu esta fase de isolamento social da melhor maneira.

Nesta semana, através do Twitter, Ricky Martin fez um balanço de dois meses de quarentena. O cantor, de 48 anos, confessou que o período de isolamento social tem sido "uma montanha-russa".

"Eu não queria partilhar a montanha-russa que este confinamento tem sido para mim, mas como o foco na televisão em relação a este vírus parece dar apenas importância a que se mantenha o sistema imunológico forte, evitando falar sobre saúde mental em tempos de crise e as lutas que a acompanham, decidi abrir-me para te informar que não estás sozinho", começou por desabafar Ricky Martin.

O intérprete de "María" explicou que o começo da quarentena foi bastante complicado: "As duas primeiras semanas foram esmagadoras. Sentia-me paralisado. Sentia um sofrimento profundo".

De seguida, Ricky Martin enumerou as fases por que passou: negação, raiva, tristeza, aceitação e períodos em que voltava à negação. O artista admitiu que lhe custou encarar que toda a estratégia profissional delineada para 2020 tinha saído gorada, devido ao coronavírus.

No entanto, Ricky Martin assegura que ultrapassou esta fase negativa, graças ao apoio do marido, o artista plástico Jwan Josef, que lhe mostrou o lado positivo desta pandemia, sobretudo no meio ambiente. "Senti-me menos ansioso e comecei a ter vontade de trabalhar", recorda, garantindo que quer mostrar, em breve, aos fãs o que tem feito nestes "tempos extraordinários".

Veja, agora, algumas das melhores imagens de Ricky Martin, nas galerias de fotografias que preparámos para si.