Laura Figueiredo chora a morte do irmão: "Nunca mais vou deixar para depois"

Ana Albernaz
Laura Figueiredo na Selfie

Laura Figueiredo está devastada com a morte súbita do irmão Mário de Souza Figueiredo, num acidente, no Brasil.

Laura Figueiredo usou as redes sociais para partilhar uma mensagem emotiva após a morte do irmão, Mário de Souza Figueiredo, que foi vítima de um acidente de viação no Brasil.

"Foi esta a tua forma de dizer adeus meu irmão... Sempre de aparência calma, a que te definia, para quem não te sabia ver, com cores demasiado especiais para sabermos definir, foste o ser mais puro que conheci até hoje, era tão fácil gostar de ti, tímido desde sempre, com uma bondade capaz de conquistar e cativar tudo e todos, o bichinho da mana como te chamava", começa por escrever a namorada de Mickael Carreira, que lamenta não ter tido oportunidade de se despedir do irmão.

"Ontem quando vi esta imagem pensei “que imagem linda, ele está tão bem, no fim de semana vou lhe ligar...” E agora? Como é que eu faço com tudo que tinha para te dizer, o “oi loura” onde vai estar? Vou amar-te para sempre, sentir a tua falta para sempre e juro que nunca mais vou deixar para depois. A vida é rápida de mais, incerta de mais... Não esperem pelo fim de semana nem sequer pelo amanhã, amem hoje, digam hoje, façam hoje. Te amo estaremos juntos para sempre", completou a apresentadora na legenda da imagem que partilhou daquela que foi a última publicação do irmão no Instagram.

Mário de Souza Figueiredo faleceu na terça-feira, dia 24, num violento acidente de automóvel no Brasil.