Marcelo Rebelo de Sousa encerra Web Summit com discurso marcante

Marcelo Rebelo de Sousa na Web Summit

O discurso de Marcelo Rebelo de Sousa deu como encerrado o maior evento de tecnologia da Europa, Web Summit, e valeu-lhe uma ovação de pé.

O presidente da República participou na final da Web Summit 2017 e falou sobre as questões ambientais que o preocupam e, consequentemente, sobre os líderes que "negam as alterações climáticas". Para além disso, Marcelo Rebelo de Sousa assinalou a vontade de querer que a conferência continue a realizar-se em Portugal.

"Estou preocupado com muitos políticos, não todos, mas muitos, demasiados políticos que negam a realidade, negam as alterações climáticas. Nós, Portugal - e eu, presidente de todos os portugueses, - continua empenhado no Acordo de Paris. Queremo-lo hoje, queremo-lo para o futuro. Eu espero que o nosso encontro, não apenas no próximo ano, mas em 2019 e 2020 seja em Lisboa, Portugal. Eu espero, porque nós merecemos. Portugal Merece, Lisboa merece. Por isso, de qualquer forma, até para o ano, à mesma hora, no mesmo sítio", disse o presidente, ao lado do co-Fundador da Web Summit, Paddy Cosgrave, no Centre Stage do Altice Arena, em Lisboa.

Recorde-se que, antes da intervenção do presidente da República, discursou o antigo vice-presidente dos Estados Unidos da América, Al Gore, conhecido por ser um acérrimo defensor da proteção ambiental.