Patrícia Matos: "O feedback que nos dão ajuda a perceber se estamos no caminho certo"

Quer saber qual é o programa da TVI que mais marcou Patrícia Matos?
Patrícia Matos e Olívia Ortiz na gala dos Blogs do Ano
Entrevista exclusiva com Patricia Matos
Patrícia Matos na Selfie
Patrícia Matos e Olívia Ortiz são fãs dos vestidos florais
O look de Patrícia Matos para a festa TVI!

A jornalista do "Diário da Manhã" publicou, no blogue Deve Ser De Mim, um texto, no qual fala sobre o quão é importante recebermos feedback do nosso trabalho, para podermos perceber se estamos no caminho certo e se devemos continuar.

Para exemplificar, Patrícia Matos partilhou uma história curiosa que a marcou.

"Há cerca de 2 anos, o 'Diário da Manhã', da TVI e TVI 24, perdeu a 'Agência Financeira'. Depois, nasceu o espaço dedicado à 'Economia 24', com análise de especialistas e de situações que possam ser úteis para os espectadores. Essa data coincide com a chegada da Alda Martins ao programa. Nos últimos tempo os assuntos económicos têm sido mais dedicados a questões fiscais e, nomeadamente, ao IRS. Hoje, no final do programa falámos disso e a Alda contou uma história maravilhosa. 'Um dia recebi um e-mail de um telespectador que agradecia o nosso espaço Economia 24, dizia que era muitíssimo útil e pedia ajuda para uma situação. Qual o meu espanto quando, mais abaixo... indicava o NIF, os seus rendimentos e os dados pessoais para que o ajudássemos a preencher a declaração de IRS', conta. Mas as pessoas fazem isso com frequência, perguntei. 'Não este género de coisas. Mas eu e a Vanessa Cruz recebemos muito feedback'. Quis saber o que respondeu, naquele caso em concreto. 'Agradeci muito a prova de confiança, porque entregar os nossos dados implica confiar. Mas que claro que não podíamos fazer isso porque não somos uma entidade responsável por esses procedimentos e que os dados são pessoais e intransmissíveis. Depois expliquei que este ano a entrega de declarações vai ser feita apenas por internet e expliquei como proceder'. A Alda diz que 'saber que as pessoas nos acompanham e que somos úteis na resolução de qualquer coisa na sua vida é fantástico' e eu não podia concordar mais. Todos os dias há histórias para contar, nas redacções. Histórias que fazem sentido, outras não tanto… mas todas que nos puxam para a realidade que vivemos e que nos rodeia", pode ler-se.

Acompanhe o blogue da jornalista AQUI